WE CARE.

A essência de tudo que fazemos está nas pessoas e na nossa capacidade de sermos empáticos, para a partir daí buscarmos soluções e não problemas

WE DELIVER.

Olhamos além da tradicional escopo, custo e tempo! Focamos na entrega resultado, gerando valor para o cliente, sua equipe e sociedade.

WE`RE CREATIVE.

“…Como “gestores de projetos”, nós somos tendenciosos (e fomos “doutrinados”) a pensar de forma linear. Como empreendedores, precisamos pensar de forma exponencial…”

A FrameWork

A Framework é uma boutique consulting firm em Consultoria, Mentoria e  Educação Corporativa, focada em  Inovação, Gestão Estratégica e Gestão de Projetos no contexto Corporativo e de Startups.
Como boutique consulting firm somos uma empresa inovadora e executamos projetos nunca antes realizados, precisando assim que sejam criadas soluções para atender as necessidades de nossos clientes. Esses são os projetos ‘brains’ , onde utilizamos com elementos-chave para este tipo de serviço profissional: criatividade, inovação e pioneirismo das novas abordagens, conceitos e técnicas.

CRIATIVIDADE
100%
EMPATIA
100%
FOCO
99%
COLABORAÇÃO
100%

Eduardo Freire

Eduardo Freire

Co Founder | Project Thinker

Atua como "project thinker", consultor, professor e palestrante na area de Gestão de Projetos, Programas e Portfólio, Microsoft EPM (Project + Project Server) e Gestão de Projetos de Inovação com Design Thinking. Agraciado com Prêmio Microsoft MVP Award 2011, 2012, 2013, 2014 e 2015 em Project. Administrador, Pós em Projetos de Invetismento Publico (FIOCRUZ), MBA em Gestão de Projetos (FGV) e Mestrado em Computação pelo CIN/UFPE. Mentor em Inovativa Brasil, StartupWeekend Change Markers e Universo IF. Curador do Espaço Pitágoras (Desenvolvimento) na Campus Party Recife2, Diretor de Inovação e Novos Negócios do ID3.org e Conselheiro e Diretor do PMI-CE na gestão 2011-2014.

Sérgio do Nascimento

Sérgio do Nascimento

Partner Advisor - SP

Mestre em Engenharia Civil no IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas); Consultor certificado PMP® pelo PMI® (Project Management Institute) e PRINCE2® Practitioner pela APMG. Professor convidado na FGV (Graduação, MBA, Pós-ADM e FGV Online), UFSCar, HSM Educação (professor e conteudista), IBEC, FACENS, SENAC, EPN/UniSantanna, e instrutor na DinsmoreCompass.PMI Rio (desde 2012) e PMI São Paulo (2004), VP de Operações (2015-2016); Diretor de Programas (2015); Conselho de Orientação (2013-2014); Mentor (2013-2014); coordenador da Revisão de Estatuto Social (2013-2014); conselho Fiscal (2011-2012); Membro das Comunidades de Estudos: Consulting; Earned Value Management; Energy, Oil, Gas & Petrochemical e Scheduling do PMI-USA; AACE (desde 2013), Diretor do PMI São Paulo (2014-2015).

Ari Amaral

Ari Amaral

Partner Consultant

Ari é Professor Universitário a mais de 10 anos, Tem Mestrado em Ciência da Computação focado em Métodos ágeis. Hoje leciona na Pós Graduação em Desenvolvimento Ágil de Software nas FA7, Também é Professor na Pós graduação Em Gestão de Projetos das Faculdades Mauricio de Nassau . Vem desenvolvendo uma maneira própria de dar aula através da utilização de Métodos ágeis no processo de ensino e aprendizado na educação. Trabalha com Desenvolvimento de Software a mais de 15 anos onde já atuou como Desenvolvedor, Analista de Sistemas e Gerente de Projetos. Desde de 2008 vem trabalhando com Métodos Agéis , atuando como, trainer e Agile Coach, (especialmente Scrum , Kanban, Cultura Ágil, Requisitos Ágeis e Team Buiding) em várias empresas e governo, liderando e formando times de alto desempenho.

"Não iremos entregar melhores resultados, se não mudarmos a forma que estamos fazendo gestão de nossos projetos"

Eduardo Freire

Fatos divertidos

Post IT
Projetos Entregues
Clientes Satisfeitos
Copos de Café

Services

Mentoria

Mentoria

A Mentoria foca numa espécie de tutoria, ou mesmo co-criação, com base na experiência e conhecimentos de nosso time, compartilhamos com profissionais (mais jovens ou não), que estão iniciando no mercado de trabalho ou numa empresa, experiências e conhecimentos no sentido de dar-lhes orientações e conselhos para o desenvolvimento de suas carreiras profissionais ou empreendedoras.

Educação

Educação

Nossos workshops ou Experiente Day funciona com base “cases” e problemas reais utilizando de como fundamentos a andragogia: 1. Necessidade de saber: adultos precisam saber por que precisam aprender algo e qual o ganho que terão no processo. 2. Autoconceito do aprendiz: adultos são responsáveis por suas decisões e por sua vida, portanto querem ser vistos e tratados pelos outros como capazes de se autodirigir. 3. Papel das experiências: para o adulto suas experiências são a base de seu aprendizado. As técnicas que aproveitam essa amplitude de diferenças individuais serão mais eficazes. 4. Prontidão para aprender: o adulto fica disposto a aprender quando a ocasião exige algum tipo de aprendizagem relacionado a situações reais de seu dia-a-dia. 5. Orientação para aprendizagem: o adulto aprende melhor quando os conceitos apresentados estão contextualizados para alguma aplicação e utilidade. 6. Motivação: adultos são mais motivados a aprender por valores intrínsecos: autoestima, qualidade de vida, desenvolvimento. Além do uso de tecnicas e ferramentas de gaminification e design thinking.

Gestão de Projetos (Outsourcing)

Gestão de Projetos (Outsourcing)

A FWK pode ajudar sua organização com profissionais: - Analista de Projeto - Coordenador de Projeto - Gerente de Projeto - Gerente de Portfólio Ou vPMO proporciona uma oportunidade de abrir linhas de comunicação e não ser limitado por paredes, fronteiras e objetivos específicos podendo ser em 03 abordagens: - Tecnologia e comunicação; - Método, processo e estrutura; - Pessoas;

Microsoft EPM

Microsoft EPM

Temos em nosso time profissional, um dos 47 Microsoft MVP do mundo. Somos parceiros Microsoft em PPM (Project Portfólio Management) para implantação, customização e treinamentos da plataforma Microsoft EPM (Microsoft Project, Project Server e Project Online). E somos parceiros exclusivos no Brasil da Fluent Pro, empresa canadense especialista em softwares de Painéis/BI na plataforma Microsoft EPM.

Consultoria

Consultoria

- Escritórios de Projetos/PMO - Laboratórios de Projetos e Inovação - Challenge de Inovação Corporativo - Gestão da Inovação - Projetos de Pesquisa com Incentivo/Fomento - Inovação no Planejamento Estratégico

Blog da FrameWork

Você sabe como fazer o cronograma de seu projeto?

Toda crise traz oportunidades (2)

Cronogramar seus projetos em tempo ágil é um dos principais recursos, pois é ele quem vai determinar quando a atividade deve iniciar e encerrar de maneira lógica e sequencial, garantindo assim que o projeto seja entregue dentro do prazo estipulado.

Porém, para você elaborar um cronograma de projetos, vai depender de diversos fatores, como por exemplo, iniciativa de começar e recursos necessários para levar até o fim.

Pronto, acompanhe a lógica de práticas de um bom cronograma de projetos e garanta a realização do projeto dentro do prazo estipulado, e quem sabe até antecipado.

Está achando complicado e sem lógica?  Pois neste post você vai mudar o seu pensamento e ver que é mais fácil do que se imagina.

O que é um cronograma e por que preciso de um?

O cronograma é nada mais nada a menos que uma ferramenta de gestão de atividades, no qual completa o tempo em que suas atividades vão ser realizadas.

Ele é a ferramenta principal de auxílio para medir o desempenho de si mesmo como de toda a equipe, estipulando o tempo de cada atividade, garantindo assim, maior confiabilidade ao projeto e sucesso do mesmo.

O timesheet, é um ótimo aliado para você, pois, ele controla as horas gastas para o desenvolvimento de qualquer projeto, permitindo assim, o reporte e controle de horas trabalhadas pelas pessoas envolvidas nos mais variados projetos.

A partir do momento em que as informações são expostas no cronograma, é possível verificar o tempo gasto em cada atividade, bem como verificar a produtividade do time em geral e se existe motivos para interceder caso seja detectado algum atraso.

Com o seu cronograma organizado, você consegue detectar quando um profissional está disponível para assumir uma nova tarefa e/ou se sua equipe precisa de novos colaboradores para exercer a atividade atribuída, pois o cronograma ajuda a detectar se a carga de trabalho de sua equipe está realmente adequada.

É importante aprimorar o desempenho da equipe, utilizando o máximo de recursos possíveis e disponíveis, para que aumente o desempenho na execução, impactando assim, na qualidade do produto final, que é o seu maior objetivo.

Para manter o seu cronograma, você precisa definir o propósito do seu projeto, ou seja, o que será e o que não será feito, quais os recursos necessários, o tempo para executar e principalmente o orçamento. Portanto, com um escopo bem definido, você consegue detectar claramente quais as fases necessárias para a conclusão, como por exemplo, que tipo de entrega deverá ser feita a cada etapa e como deve ocorrer.
Está tranquilo até agora? Então vamos continuar?
Que tal construir a sua Estrutura Analítica do Projeto (EAP)? Você sabe o que é EAP?

EAP é um processo de subdivisão das entregas e do trabalho em componentes menores e mais fácil de serem gerenciadas. O maior objetivo é identificar elementos terminais e assim, serve como base para a maior parte do planejamento de projeto.

A EAP consiste no desmembramento do proposito da atividade em que formaram o projeto. Nela, você verifica o nível macro para depois seguir para o micro, listando absolutamente tudo o que deve ser realizado e entregue durante a execução dos trabalhos.

Com o seu EAP pronto, é importante você organizar em grau de relevância e execução, assim, vai ser de grande ajuda para detectar se uma atividade depende da conclusão de uma outra.

Com suas atividades devidamente organizada, vamos apegar-se a duração de cada uma, podendo perguntar para a própria equipe o tempo em que cada um acha que demorara para desenvolver cada atividade a elas concedida ou até mesmo fazer esses cálculos com base em outros projetos equivalentes.

Finalmente vamos construir o nosso cronograma…

 Qual a ferramenta que que você está utilizando? Caso esteja utilizando um software de gerenciamento de projetos, basta você gerar um gráfico de Gantt (serve par ilustrar o avanço das diferentes etapas de um projeto) para acompanhar todo o seu cronograma. Porém, se você estiver utilizando qualquer outro recurso, é necessário que você ordene todas as informações prestadas. Sendo assim, pode ser utilizado o Excel, pois ele possui uma ferramenta para gerar gráfico de Gantt, porém, é necessário que criar uma tabela e inserir todos os dados antes.

É de extrema importante que o cronograma seja constantemente atualizado, pois como dito no início, ele é um dos principais recursos, e caso não seja atualizado, se torna um aliado morto.

A falta de atualização é o que torna um dos principais motivos do atraso do produto, afinal, toda uma equipe deixa de acompanhar, podendo impactar no custo total do projeto e ainda desperdiçar a oportunidade de mercado que o cliente está tentando atingir.

Portanto, utilize essa ferramenta de maneira correta e conquiste bons resultados.

Gostou? Então não deixe de colocar a sua opinião aqui!

Experience Day – XI CBGP

Untitled design

 

Olá, pessoal!

Dos dias 13 a 15 de junho a Framework participou do XI Congresso Brasileiro de Gerenciamento de Projetos realizando um Experience Day  que foi sucesso total! Tivemos turma lotada atingindo o máximo de 30 participantes.

Como o nome já sugere, o Experience Day é uma experiência prática e intensa de Design Thinking em 4 horas, em um formato dinâmico e que expande as mentes!

Nossos participantes saíram de lá com a cabeça fervilhando de ideias e dentre os depoimentos e feedbacks as palavras “surpreendente”, “inovador” e “disruptivo” foram constantes.

Se a experiência de apenas 4 horas com o Design Thinking foi algo transformador, imaginem o workshop completo de 16 horas: o Project Thinking!

 

Até a próximo! #beFWK

Quais os 9 superpoderes do gestor de projetos?

Project Thinking-3

Tudo bem?

Aproveitando todo o barulho sobre os filmes de super-herói, como Batman X Superman e Capitão America – Guerra civil, resolvi fazer um post inspirado neles, definindo 9 superpoderes (habilidade, conhecimentos, ferramentas, etc.) que são essenciais para Gestores de Projetos de QUALQUER área e que devem conhecer, ter e praticar nos dias de hoje! Isso também poderá ajudar a quem está interessado em iniciar sua carreira na área de Gestão de Projetos!
E claro, não necessariamente esta é uma ordem de prioridade, mas sugiro que tenha em seu “cinto de utilidades”!

Superpoder 01 – PMBOK GUIDE

Read More

Mas afinal o que é Project Thinking e como ele está mudando a forma de fazer Inovação na Gestão de Projetos – Parte 1 de 6 – Projetos Híbridos

12966381_10207858462913982_1554831205_n

Olá Pessoal,

Tudo bem? Essa semana resolvi falar um pouco sobre a abordagem do Project Thinking, que desenvolvemos com uso do Design Thinking aplicado a Gestão de Projetos. Apesar de isso já estar em uso por vários profissionais de diversas áreas e empresas, nós também estamos colaborando em pesquisas de graduação, mestrado e doutorado sobre o tema. Particularmente, isso me deixa bem feliz por 03 motivos simples:

Motivo 01 – O meu propósito pessoal (e a missão da FWK), que é transformar o modo que estamos entregando resultado por meio de uma gestão de projetos realmente inovadora no mundo (depois falo mais sobre como já estamos fazendo isso)! Hoje, de fato, não estamos sozinhos nisso! :)

Motivo 02 – Para que possamos entregar isso “só existe um caminho”: foco em inovação. E inovação só vem de gente! Ou seja, foco em gente!

Motivo 03 – Ninguém (clientes, profissionais e comunidade) suporta mais do mesmo e sambarilove! Por isso a simplificação assusta! Mas uma coisa: não estamos falando de “fórmula mágica” ou “bala de prata”! Inovar é fazer o simples…

Como tudo começou…

 

Read More

CLIENTES

Entre em contato conosco








Fortaleza

São Paulo